Total Pageviews

Blog Archive

Procura neste Blog

ITO-NeTthings. Com tecnologia do Blogger.

Blogs de Portugal

Netflix "perdoa" utilizadores de VPN mas começa a ocultar titulos

Netflix "perdoa" utilizadores de VPN mas começa a ocultar titulos
Share it:
A Netflix começou a tratar os utilizadores da VPN de maneira diferente. Em vez de impedir que eles reproduzam qualquer conteúdo, o serviço de streaming agora permite que os utilizadores da VPN reproduzam conteúdo disponível globalmente.

Netflix "perdoa" utilizadores de VPN mas começa a ocultar titulos
Ao mesmo tempo, no entanto, começou a ocultar títulos com restrições geográficas, sem informar os utilizadores.

Há sensivelmente cinco anos, a Netflix começou a bloquear clientes que tentavam aceder ao seu serviço por meio de uma VPN, isto porque os direitos de autor são diferentes em cada país e começou a haver queixas.

A proibição da VPN na altura causou muita frustração aos utilizadores que faziam uso de uma VPN, muitos dos quais não tinham intenção de violar nenhuma regra, mas por vezes apenas evitar o Traffic Shapping ou mesmo uma viagem esporádica em que se tenha mudado de país.

Até porque quem quer ver um conteúdo bloqueado geograficamente tem outras formas de o fazer.

O que a Netflix está a fazer de momento é tentar agradar a todos ou seja, continua a lutar para manter os "piratas" da VPN afastados mas ao mesmo tempo deixa o serviço suportável a todos os utilizadores.

Antigamente, os utilizadores da VPN ainda podiam fazer login e procurar todos os títulos disponíveis na sua região. Quando clicavam para reproduzir, aparecia um aviso a informar que o conteúdo não estava disponível por utilização de uma VPN. Isso agora mudou.

Embora ainda não tenha sido oficialmente confirmado pela Netflix, vários testes com servidores VPN em todo o mundo mostram que todo o conteúdo visível na biblioteca da Netflix pode ser reproduzido.

O que se passa gora é o seguinte, se a Netflix detectar que estás a usar uma VPN, vai ocultar títulos com restrições de licenciamento geográfico.

Esse problema foi detectado pela primeira vez pelo uNoGS , que mantém uma base de dados actualizada de títulos disponíveis na Netflix em diferentes países. O site notou pela primeira vez que estava a acontecer algo estranho no mês passado. “Percebemos que estavam a haver grandes mudanças na Netflix por volta de 1º de maio. Além de nos forçar a reescrever um monte de nossas ferramentas, percebemos que muito menos títulos estavam a aparecer com os nossos scripts de de averiguação”, diz Brian, operador do uNoGS.

Os utilizadores do site também começaram a reclamar que alguns títulos não estavam disponíveis no Netflix, ao contrário do que o site dizia.

Esta nova estratégia tem pontos positivos e negativos. Primeiro nenhum utilizador de VPN está impedido de ver Netflix, pelo menos as séries e filmes originais. E pode ver a biblioteca devida, além de poder evitar o Traffic Shapping realizado por muitas operadoras de telecomunicação.

A parte negativa é para aquelas pessoas que usavam a VPN para contornar as restrições geográficas e agora vêm esses títulos retirados.

Existe uma mudança de abordagem, o que está realmente a passar é que a Netflix esqueceu as VPNs e começa a controlar mais o conteúdo geográfico.

E tu o que achas desta mudança?

Fonte: TorrentFreak
Share it:

info

Post A Comment:

0 comments: