Total Pageviews

Blog Archive

Procura neste Blog

ITO-NeTthings. Com tecnologia do Blogger.

Blogs de Portugal

Portugal no topo do RevengeHotels

Portugal no topo do RevengeHotels
Share it:
Mais de 20 hotéis na Europa, América Latina e Ásia foram alvo de ataques de malware dirigido especialmente ao sector hoteleiro.

Portugal no topo do RevengeHotels
Segundo um relatório da Kaspersky, Portugal é o 3º país em que esta campanha fez mais vitimas. 

O que é o RevengeHotels?

RevengeHotels é uma campanha na qual participam vários grupos com a intenção de infectar empresas ligadas à hotelaria mediante a utilização de Trojans de Acesso Remoto (RATs), que está activa desde 2015 e que aumentou significativamente a sua presença este ano. 

Pelo menos dois grupos, RevengeHotels e ProCC, participaram na campanha, sendo provável que estejam envolvidos outros grupos de hackers. 

Como funciona o RevengeHotels?

Basicamente esta campanha funciona através de ficheiros maliciosos anexados nos emails. PDFs, Excel, Word, etc, são apenas alguns exemplos.

E a atenção tem que ser redobrada porque estes esquemas têm sido meticulosamente elaborados que leva ao erro mesmo de um utilizador mais experiente.

O único detalhe que pode servir para comprovar que o e-mail é fraudulento corresponde a uma pequena alteração ortográfica no nome do domínio da organização do suposto remetente. 

Uma vez infetado um dispositivo, os hackers conseguiam aceder ao mesmo de forma remota e, inclusivamente, segundo alertam os investigadores da Kaspersky, vender o acesso aos dados armazenados nos sistemas das receções dos hotéis através de uma subscrição. 

O que afectou o RevengeHotels?

O malware recolheu informações da área de transferência das receções, da fila de impressão ou de capturas de ecrã. 

Os dados também puderam ser comprometidos porque os colaboradores dos hotéis copiavam muitas vezes a informação dos cartões de crédito dos seus clientes desde as bases de dados das agências de viagens online, para poderem cobrar os pagamentos. 

O que se pode fazer para evitar o RevengeHotels?

Isto aplica-se essencialmente se trabalhares no sector hoteleiro.
  • Verificar meticulosamente o remetente, letra por letra.
  • Ter antivirus e antimalware devidamente actualizados.
  • Se desconfiar de algum pormenor não abra, e chame o responsável técnico. 
  • Manter o Sistema Operativo devidamente actualizado.

Fonte: ComputerWorld


Se gostas daquilo que nós fazemos não te esqueças de partilhar e visitar os nossos sítios:

Share it:

info

Post A Comment:

0 comments: