Total Pageviews

Blog Archive

Procura neste Blog

ITO-NeTthings. Com tecnologia do Blogger.

Blogs de Portugal

Monitores Gaming: O que ter em conta?

Monitores Gaming: O que ter em conta?
Share it:
Um monitor gaming é diferente de um monitor normal, já que este permite jogar com um maior conforto e com outra série de recursos que oferece uma experiência de jogar muito melhor.

Monitores Gaming

Na hora de comprar um monitor deste é preciso analisar com cuidado para que este vá de acordo ás tuas necessidades e também vá ao encontro do hardware que tu estás a utilizar.

É preciso então conhecer alguns aspectos técnicos que se devem ter em conta na hora de escolher um monitor Gaming.

Taxa de Actualização


Esta mede o ritmo em que o monitor actualiza uma imagem no ecrã. No caso de um monitor gamer, é desejável sempre o maior número possível, pois quanto mais quadros mais cenas suaves.

Se a taxa do monitor for de 60Hz, significa que é capaz de exibir uma nova imagem 60 vezes por segundo.

A velocidade parece grande, mas para jogos o ideal é ter uma margem acima disso, tornando monitores com 144 Hz (actualização de 144 vezes a cada segundo) os modelos mais interessantes. E neste momento a procura aumentou para modelos de 165Hz.

Um dos problemas da maior parte das pessoas é que têm um PC muito bem equipado a nível de hardware e depois têm um monitor com taxas de actualização baixas, o que faz com não tirem partido do hardware que dispõem.

Tempo de Resposta


É importante saber o que é o tempo de resposta. É o tempo necessário para que um monitor torne um pixel desligado/preto em branco. Normalmente as unidades utilizadas são os milissegundos.

Este é um dos aspectos importantes porque determina o quão eficiente é o monitor, e quão rápido é este a dar uma resposta, quanto menor tempo, melhor

Em geral, o desejável é que o monitor para jogos tenha o menor tempo de resposta possível. Actualmente, essa medida reside na casa do 1ms.

O baixo tempo de resposta contribui também para que o jogo pareça mais ágil, já que as acções serão exibidas no ecrã de forma mais rápida, parecendo instantâneas.

Essa característica é fundamental e em jogos em que a agilidade faz a diferença, como jogos de Tipo Call of Duty, CS que envolvam tiros ou em jogos de Luta.

Tamanho do ecrã


É como as televisões normais, o tamanho deve ser definido de acordo com a distância a que estás do ecrã. Não adianta comprar um ecrã grande se não consegues visualizar toda a área quando estás a jogar, apesar que os ecrãs curvos vieram dar uma ajuda preciosa nesse aspecto.

Precisas de calcular o tamanho do ecrã de acordo com a distância com algum detalhe. Como exemplo se o ecrã for de 27 polegadas deves estar a um metro de distância, esta é a medida padrão.

Se estiveres mais perto o tamanho deve diminuir, se estiveres mais longe deve aumentar.

Resolução


Full HD, 2K ou 4K: basicamente, essas são as opções de quem vai investir em um monitor gamer no momento.

Full HD pode ser importante para computadores com menos poder no hardware e cujo o dono não pense em fazer upgrade tão cedo.

A resolução 2K exige computador já exige boas e actuais placas gráficas, com boa performance e uma grande quantidade de memória RAM.

O 4K exige placas gráficas muito boas, já existe muitas placas capazes de reproduzir jogos pesados nesta resolução, e cada vez faz mais sentido comprar este tipo de ecrãs e placas gráficas pois a tendência é essa e os jogos e conteúdos 4k cada vez estão mais na moda.

Ultimamente já começou a aparecer os novos QLED da Samsung e os OLED de outras marcas.

Modo Jogo


Existem alguns monitores no mercado com esta característica , que permite activares o modo jogo, mudando as características e optimizando estas para jogares.

Características essas como Taxa de actualização e Tempos de Resposta.

Outras características importantes


Normalmente os Gamers passam horas a fio a jogar e por isso a saúde dos nosso olhos também é importante, daí procurar monitores com alguma tecnologia que evite ou reduza o cansaço dos olhos.

Os fabricantes procuram diminuir os efeitos de cansaço nos olhos a partir de duas frentes: a primeira é aplicando filtros anti flickering. Flickering é o piscar do monitor (se actualiza 144 vezes num segundo, efectivamente pisca 144 vezes nesse espaço de tempo).

Outra característica importante é o HDR. Esta tecnologia proporciona contrastes mais ricos e alta qualidade de cor, algo essencial em monitores 4K e monitores para jogos.

FreeSync (para placas de vídeo da AMD) e G-Sync (Nvidia) referem-se a tecnologia de sincronismo entre placa de vídeo e monitor para evitar o tearing na hora de jogar. São tecnologias mais complexas e há pouquíssimos monitores que oferecem as duas: normalmente, escolher entre uma e outra é uma decisão que precisa considerar o fabricante da placa gráfica.

Resumo


Vou tentar resumir por pontos para ser mais fácil de compreensão. Ter em consideração, quando se compra os seguintes aspectos:
  • Taxa de Actualização: Quanto maior, melhor;
  • Tempo de Resposta: Quanto menor, melhor;
  • Tamanho do ecrã: depende da distância a que estás dele. Deves ter o ecrã todo incluído no teu ângulo de visão.
  • Resolução: 4K se a tua placa gráfica o permitir.
  • Modo protecção para vista;
  • Modo Jogo;
  • HDR;
Share it:

info

Post A Comment:

0 comments: