Total Pageviews

Blog Archive

Procura neste Blog

ITO-NeTthings. Com tecnologia do Blogger.

Blogs de Portugal

Xiaomi com tecnologia inovadora que permite altas taxas de atualização com melhor desempenho

Xiaomi com tecnologia inovadora que permite altas taxas de atualização com melhor desempenho
Share it:
ALTA TAXA DE ATUALIZAÇÃO COM MELHOR DESEMPENHO COM A TECNOLOGIA ADAPTIVESYNC DE 7 ESTÁGIOS


Com o lançamento do Mi 10T e Mi 10T Pro foi também apresentada a tecnologia que permite  uma experiência de visualização suave graças à taxa de atualização do ecrã do smartphone - quanto mais alta, mais suave. 

Mi 10T Pro e Mi 10T apresentam um ecrã de taxa de atualização ultra-alta de 144 Hz emparelhada com uma tecnologia AdaptiveSync de 7 estágios pioneira no setor. 

Esta tecnologia proprietária permite 7 estágios de ajuste da taxa de atualização, de 30 Hz a 144 Hz. O ecrã é capaz de ajustar a sua taxa de atualização dependendo do conteúdo que está a ser visualizado para gráficos suaves, garantindo ao mesmo tempo uma vida útil prolongada da bateria.

Atrasos gráficos e tremulação do ecrã são especialmente percetíveis quando a taxa de atualização do ecrã (Hz) não corresponde à taxa de quadros do conteúdo (fps). Por exemplo, quando um vídeo está a 25 fps, enquanto o ecrã opera a 60 Hz, os dois são incompatíveis e farão com que fique instável.

A razão para o jitter é que um programa de TV de 25 fps é executado a 25 quadros por segundo, enquanto um ecrã fixa de 60 Hz mostra 60 quadros por segundo. Como resultado, há uma incompatibilidade entre o terminal de exibição e a fonte de conteúdo, o que resulta que o ecrã é forçado a exibir o mesmo quadro várias vezes antes de passar para o próximo, causando um atraso entre o vídeo e o ecrã.


Para evitar tremulação do ecrã, é melhor definir a taxa de atualização igual ou um múltiplo da taxa de quadros do conteúdo. Simplificando, um vídeo de 24 fps pode ser exibido a uma taxa de atualização de 48 Hz e um vídeo de 25 fps exibido a uma taxa de atualização de 50 Hz. Embora cada quadro seja mostrado repetidamente, ele é mostrado pelo mesmo período de tempo, garantindo uma visualização suave.


A tecnologia AdaptiveSync desenvolvida pela Xiaomi oferece um total de 7 estágios (30/48/50/60/90/120/144 Hz) de adaptação da taxa de atualização, cobrindo totalmente as taxas de quadros de vários tipos de conteúdo e alcançando precisão quadro a quadro, eliminando assim atrasos no ecrã e tremulação.


Com uma taxa de atualização mais alta, o IC do driver de vídeo consome mais corrente. Além disso, uma taxa de atualização mais alta também causa pressão adicional na CPU, GPU, memória e outros componentes internos, o que aumenta o consumo geral de energia.


Normalmente, telemóveis com alta taxa de atualização só podem alternar entre 60 Hz e a maior taxa de atualização disponível neles. Isso causa uma desvantagem que é a vida útil reduzida da bateria. 

AdaptiveSync do Mi 10T e Mi 10T Pro é a solução mais recente do setor para esse problema - 7 estágios de ajuste da taxa de atualização, que combina com precisão vários cenários de uso para evitar o consumo desnecessário de energia. 

Para cenários de uso ativo, como ver feeds de redes sociais, a taxa de atualização mudará para 144 Hz para garantir uma experiência de visualização suave, quando a interação com o ecrã ocorre com menos frequência, a taxa cai instantaneamente para 50 Hz para reduzir o consumo de energia.


Equipado com nossa tecnologia AdaptiveSync de 7 estágios e uma bateria de 5000mAh, pode durar 1,3 dias sob uso intenso e dois dias inteiros sob uso leve. 

Esta tecnologia sincroniza de forma inteligente a taxa de atualização do ecrã com a taxa de quadros do conteúdo para obter a melhor exibição e desempenho de energia. 

O ecrã do Mi 10T é excelente em termos de precisão de cores, diferença de cores e densidade de pixels.


Sem dúvida que é uma tecnologia interessante.

Fonte: Xiaomi
Share it:

info

Post A Comment:

0 comments: